Reguengos de Monsaraz

Uma das mais antigas vilas de Portugal, finalista das 7 Maravilhas de Portugal...

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

Perdida no alentejo profundo, para lá das vastas planícies de Évora e a 15 quilometros de Reguengos de Monsaraz, encontramos uma elevação adornada no topo com uma vila fortificada... ou melhor, um castelo, o de Monsaraz, que desempenhou ao longo dos séculos o papel de sentinela do Guadiana.

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

Primeiro, ao cruzar a estrada da planície, vejo-me fascinado com aquele monte de proporções pré-históricas. À medida que me aproximo a admiração e fascínio cresce na minha mente. Há que subir até ao topo, e é aqui, nesta estrada serpenteante que me deparo com a grandeza do local. Basta subir uns metros que me começa a ser desvendada a vastidão das planicies que cruzo.

p
u
b

Começo a discernir as águas plácidas do maior lago artifical da europa, resultado da construção da barragem do Alqueva (ler a crónica do 3º aniversário do GAPE) a escaços quilometros dali, e o horizonte é recortado no céu, tão focado que parece uma tela gigante.

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

Continuo estrada fora, subindo mais e mais alto, até que encontro as muralhas do Castelo de Monsaraz. A porta em arco, lá no topo dos topos, mostra-me que estamos num local cheio de histórias. Entramos ali e viajamos no tempo, voltamos à era dos reis e cavaleiros, das guerras com Castela do outro lado do Guadiana.

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

p
u
b

Esta é considerada uma das mais antigas vilas de Portugal, com indícios de povoamento desde tempos pré-históricos. Começou por ser um castro fortificado e foi aumentado ao ritmo das ocupações constantes, até ao período de formação da nacionalidade, sendo conquistada pela primeira vez aos Muçulmanos em 1157. Não é de admirar que em 2007, foi uma das finalistas na escolha das 7 Maravilhas de Portugal.


A mota fica à porta, e daqui sigo caminho a pé. Não há pressa. O silêncio, a harmonia da cal branca, as ruas, convidam ao passeio vagaroso.

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

De máquina na mão, capto o cenário de todos os angulos. Cada janela, porta, ferro ou pedra prendem-me a atenção. Percebo que há muito pormenor dos tempos modernos, mas também tenho consciência que muitas pedras que piso já foram pisadas por reis e guerreiros medievais. Mas não me sinto grande como eles. Sinto-me sim, pequeno, perante tanta grandiosidade.

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

Vou subindo, mais e mais, até chegar ao castelo medieval que ocupa a parte principal do monte. Se até aqui a paisagem me fascina, é mesmo lá no topo da muralha que sou esmagado pela sua beleza num angulo de 360 graus.

p
u
b

Estou tão lá em cima, que juro que quase que vejo o redondo do mundo. Tento imaginar as feiras, os cavaleiros, os guardiões ali de vigia, as grande bandeiras nas lanças espaçadas na muralha de pequenas pedras de xisto... imagino D. Sancho II, ali com os seus templários, a tecer planos de conquistas... e ali fico a realizar este filme mental, no topo do mundo.

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

 

Monsaraz, Reguengos, Evora, Alqueva, alentejo, Castelo, conquistas

A visita termina quando me dá a fome. Desço para petiscar qualquer coisa num café onde existe um pequeno oásis de sombra fresca. É que mesmo ali nas alturas, o calor alentejano sufoca-nos o corpo. Deixo-me estar na esplanada, a respirar mais um pouco do ambiente. O resto do dia ainda me trás muitos quilometros a percorrer até casa, mas a vontade é mesmo ali ficar, de guarda na muralha, à espera das estrelas do céu e o silêncio da noite!

 

Boas curvas!


Write a comment

Comments: 4
  • #1

    Manel (Sunday, 15 July 2012 00:32)

    Mais um passeio simples, mas em grande! Obrigado pelo teu entusiasmo, é sempre um prazer vir até aqui.

  • #2

    Cesar (Monday, 16 July 2012 22:56)

    Muito bom, continue!

  • #3

    nunoduarteribeiro (Wednesday, 18 July 2012 15:02)

    Duas palavras...SIMPLESMENTE BRUTAL!!

  • #4

    Sousa (Sunday, 22 July 2012 13:46)

    Paulo, F-A-N-T-A-S-T-I-C-O! O que gosto mais no teu blog é que seja além fronteiras, seja no nosso país, as tuas crónicas são sempre cheias de entusiasmo! Realmente, não é preciso percorrer o mundo para podermos usufruir de uma mota para viajar. Origado e continua!

Pesquisa:

 

by Fusionbot | Mapa do Site

www.AutoPECAS-ONline.pt

Wed

15

Feb

2017

Como escolher o bom tipo de pneu de moto?

Existem cada vez mais categorias, gamas e tratamentos de pneus de moto. Não é fácil escolher o melhor tipo de pneu de entre tantos modelos e escolhas possíveis.

Read More

Thu

02

Feb

2017

Equipamento para andar à chuva

Andar confortável é o primeiro passo para uma condução segura...

Read More

Wed

04

Jan

2017

Stories of Bikes - A tua mota, a tua historia

Um pequeno filme que transmite o prazer de conduzir uma mota!

Read More
A história do Mototurismo

Grupo de Amigos Pan-European

Turismo-de-moto, turismo, mototurismo, iajar-de-moto, viagens, viajante
Procure-nos no facebook

© Desenvolvido por Magnasubstância

As imagens deste site não podem ser utilizadas sem autorização prévia. Proteção de dados.