Viagem aos Picos da Europa - Potes e Fuente De

Crónica dos Picos da Europa - Dia 2. Podem ler o início a partir daqui.

Ali estavamos, à 9h00 da manhã prontos para começar a visita. Bem dormidos lá arrancámos em direção a Potes. A estrada abre-nos o apetite. Exclente piso serpenteando ao lado do lago, lá fomos andando em ritmo de passeio. O sol brilhava lá em cima, e o céu mostrava-se azul e  limpo.

Lentamente começamos a subir a montanha (e a temperatura a descer), e eis que nos deparamos numa pequena eira, perto da estátua do Urso com vista para Puerto San Glorio. Esta estátua foi aqui erigida em honra do urso ibérico. Momento de descontração entre o grupo, que se fascina com a paisagem circundante. A neve marca presença, manchando de branco as vastas montanhas da Cantrábia...

Foi aqui que tirámos a foto do grupo. Vinte e duas pessoas, que como podemos ver pelos sorrisos, estavam todas a adorar aqui estar. Mas era altura de arrancar, e havia ainda muito ver. Seguimos viagem em direcção a Potes...

p
u
b

Potes

 

Lá seguimos calmamente em direção a Potes, onde íamos parar para um passeio a pé. A estrada é cada vez mais serpenteada, com uma paisagem de encostas verdes, sempre com as montanhas cobertas de branco no horizonte. São estes pomenores que tornam os Picos da Europa um destino único para viajar:

E chegamos a Potes a meio de manhã. Deparamo-nos com uma bela vila, cheia de vida, com ruelas e comércio para perdermos a cabeça. Tempo de esticar as pernas e abrir os cordões à bolsa!

 

 

Estavámos aos poucos a entrar na vida normal das vilas e cidades inseridas nesta reserva natural, e reparamos na grande quantidade de turistas a passear de máquina fotográfica em punho, e muita gente nas ruas. Lojas de "Recuerdos" são em quase todas as esquinas...

Foi uma manhã bem passada, mas estava na hora de partir. De volta às motos, arrancámos em direção a...

p
u
b

Fuente De

 

Mais uma vez, entramos pela estrada a dentro rodeados por espetaculares paisagens. Mais belo que as vilas que visitamos, as paisagens são de facto de encher o olho, e apetece rolar bem devagarinho para não perder nada. Aqui ficam algumas fotos do percurso entre Potes e Fuente De:

O que há em Fuente De para ver? Em primeiro o grande percipício com vários metros de altura, que nos torna pequeninos perante tal espetaculo. Depois, o teleférico de Fuente De, onde podemos admirar uma pequena parte do Parque Nacional, visto de uma altura que mete respeito.

 

Nós acabámos por não andar no teleférico derivado ao facto de estarmos num fim-de-semana prelongado, o que significa dezenas de excursões e centenas de turistas por todo o lado. A fila para comprar o bilhete do teleférico era gigantesca, à nossa frente havia mais de duzentas pessoas, por isso como devem calcular, desistimos da ideia.

Ali ficámos um pouco no relax, para depois partirmos em busca de um restaurante para finalmente almoçarmos. Ainda tinhamos grande parte da tarde para passear, e retornar ao Hotel em Riaño por volta das 18h00. E lá fomos nós rolar mais uns quilometros.


Pesquisa:

 

by Fusionbot | Mapa do Site

www.AutoPECAS-ONline.pt

Tue

05

Feb

2019

Route 66 - Road Trip USA

A historica "Route 66" une não só duas costas do mesmo continente, como décadas de história até aos dias de hoje.

Read More 2 Comments

Wed

23

Jan

2019

A Ruta Via de la Plata

Um dos mais importantes e atrativos itinerários da Europa

Read More 3 Comments

Thu

07

Jun

2018

Viajar a chuva

Cuidados a ter para viajar com mau tempo...

Read More 1 Comments
A história do Mototurismo

Grupo de Amigos Pan-European

Turismo-de-moto, turismo, mototurismo, iajar-de-moto, viagens, viajante
Procure-nos no facebook

© Desenvolvido por Magnasubstância

As imagens deste site não podem ser utilizadas sem autorização prévia. Proteção de dados.